Da Base

13:13 | 12/11/2019
Brasil
30/10/2019 às 15:51 - Por Redação

Brasil supera expulsão no primeiro tempo e bate Nova Zelândia pelo Mundial sub-17

Com um a menos durante toda a etapa final, seleção aproveitou erros adversários para vencer

O Brasil conquistou uma vitória mais suada que o placar indica pela segunda rodada do Mundial sub-17. Em partida disputada no Bezerrão, na cidade do Gama-DF, na noite dessa terça (29), a seleção superou a expulsão de Yan no fim do primeiro tempo e venceu a Nova Zelândia por 3 a 0, garantindo a classificação antecipada às oitavas de final.

 

Brasil contou com falhas neozelandesas para vencer. Foto: Alexandre Loureiro/ CBF

 

O primeiro tempo já mostrou algumas dificuldades brasileiras, que enfrentava uma sólida defesa neozelandesa Mas com o talento de Gabriel Veron, a seleção abriu o placar aos 18 minutos. O camisa 7 recebeu lançamento de Henri, levou a bola à linha de fundo e cruzou para Kaio Jorge se esticar e mandar para o fundo das redes. Já aos 41, o árbitro checou um lance na cabine do VAR e aplicou cartão vermelho para Yan. O lateral acertou um pisão em Garbett e deixou o Brasil com um a menos em campo.

 

Guilherme Dalla Déa reorganizou o Brasil com duas linhas de quatro com a entrada de Garcia no lugar de Talles Costa. A Nova Zelândia assustou em algumas bolas paradas, mas pecou pela falta de pontaria. O alívio brasileiro veio apenas nos minutos finais. Aos 34, Talles Magno pressionou a saída adversária, roubou a bola do goleiro Paulsen e tocou para o gol vazio. Em outro erro de saída de bola, Diego Rosa ganhou no meio campo, avançou e bateu na saída do goleiro para fechar a conta aos 45 minutos,

 

Com o resultado, o Brasil garantiu a classificação antecipada às oitavas de final do Mundial sub-17, assim como a Angola, que venceu o Canadá por 2 a 1 e também chegou aos seis pontos, na segunda posição do Grupo A. As duas seleções voltam a campo pela última rodada na próxima sexta (01), às 20h. No Bezerrão, Canadá e Nova Zelândia jogam para manter as chances de classificação. Já no Olímpico de Goiânia, o Brasil enfrenta a Angola na briga pela liderança da chave.

 

 

Comente


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Da Base