Da Base

10:59 | 22/01/2019
Brasil
08/01/2019 às 00:52 - Por Vinicius Fernandes

Confira um resumo após a 2ª rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior-2019

26 clubes venceram pela segunda vez e já estão garantidos no mata-mata

Chegou ao fim, na noite desta segunda-feira (7), a segunda rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019. Nas 64 partidas realizadas, foram 48 vencedores (com 17 goleadas estabelecidas) e 16 empates, com um total de 169 gols, média 2,64 por jogo. Ao todo são 103 triunfos e 25 igualdades, com 358 bolas na rede (2,79 de média).

26 venceram pela 2ª vez e 29 perderam a 2ª seguida (Foto: Divulgação/FPF)

Os maiores destaques foram São José-RS, Marília-SP, VOCEM-SP, Sport Recife-PE, Athletico-PR, Ferroviária-SP, São Paulo-SP, São Carlos-SP, Internacional-RS, Palmeiras-SP, Desportiva Ferroviária-ES, Trindade-GO, Figueirense-SC, Corinthians-SP, Ituano-SP, Primavera-SP, Fortaleza-CE, Oeste-SP, Fluminense-RJ, Audax-SP, Flamengo-SP, Manthiqueira-SP, Atlético-MG, Goiás-GO, Nacional-SP e Portuguesa-SP, que seguem com 100% de aproveitamento e já estão garantidos no mata-mata do torneio.

Por outro lado, Santa Cruz-PE, São Bento-SP, Jacobina-BA, Real Ariquemes-RO, Guarulhos-SP, Sergipe-SE, Sete de Setembro-MS, Parnahyba-PI, ABC-RN, São Raimundo-RR, Queimadense-PB, Sertãozinho-SP, Vila Nova-GO, Capital-TO, Sinop-MT, CRB-AL, Jaguariúna-SP, União Barbarense-SP, Capivariano-SP, Boavista-RJ, Batatais-SP, Criciúma-SC, Marília-MA, Serra-ES, Holanda-AM, Vitória da Conquista-BA, FF Sports-AL, Babaçu-MA e Ceilândia-DF ainda não pontuaram.

Avaí-SC, Grêmio-RS e Fluminense-RJ, que meteram 7 a 0 na Internacional de Limeira-SP, São Raimundo-RR e Parnahyba-PI, respectivamente, na primeira rodada, possuem as maiores goleadas. No entanto, a partida com mais gols foi São Paulo-SP 7 x 2 Holanda-AM, também na jornada inaugural.

O melhor ataque até aqui pertence ao São Paulo-SP, com dez gols marcados, um a mais que Grêmio-RS, Fluminense-RJ e Ferroviária-SP. Já Batatais-SP, CRB-AL, Sertãozinho-SP, Sete de Setembro-MS, Parnahyba-PI, Taboão da Serra-SP, Babaçu-MA, Vitória da Conquista-BA, FF Sports-AL, Atlético-GO, Serra-ES, Santa Cruz-PE e São Bento-SP ainda não balançaram as redes.

Goiás-GO, Nacional-SP, Cuiabá-MT, Francana-SP, Ferroviária-SP, Athletico-PR, Legião-DF, VOCEM-SP, Sport Recife-PE, Marília-SP, Juventude-RS, Flamengo-SP, União Mogi-SP, Elosport-SP, Fluminense-RJ, Audax-SP, São Bernardo FC-SP, Fortaleza-CE, Trindade-GO, Palmeiras-SP e Internacional-RS ainda não levaram gol e possuem as melhores defesas. Já o Holanda-AM, vazado 13 vezes, é o dono da pior.

O placar que mais se repetiu foi 1 x 0: 13 vezes, seguido por 1 x 1 e 2 x 0, que aconteceram em nove oportunidades. No geral, o marcador mais comum é também 1 x 0, que apareceu 22 vezes, seguido por 2 x 0, registrado em 20 oportunidades. Caio, do Porto-PE, fez o primeiro gol da competição. Com cinco tentos anotados, Gabriel Sara, do São Paulo-SP, é o artilheiro isolado, um a mais que Luquinha, do Londrina.

Comente


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Da Base