Da Base

01:01 | 16/11/2018
Brasil
27/10/2018 às 07:37 - Por Vinicius Fernandes

Veja os resultados da terceira rodada da fase de grupos da “UEFA Youth League”

Portugal viu seus dois representantes perderem pela primeira vez e deixarem a liderança de seus grupos

A edição 2018/2019 da “UEFA Youth League”, a Liga dos Campeões da Europa na categoria sub-19, teve sua terceira rodada da fase de grupos realizada neste meio semana, com 61 gols em 16 partidas, mais uma vez média superior a três por jogo (isso aconteceu nas três rodadas). Ao todo já são 165 em 48 partidas (3,43 de média por jogo). R. Gül, do Galatasaray-TUR, foi o autor do centésimo gol da temporada.

Rodrigo manteve o Real com 100% de aproveitamento (Foto: Site oficial do Real Madrid)

Foram nove vitórias dos mandantes, quatro empates e três derrotas (20 – 13 – 15 no geral). Os maiores destaques foram a goleada aplicada pelo Manchester United-ING sobre a Juventus-ITA, o triunfo do Atlético de Madrid-ESP, fora de casa, contra o Borussia Dortmund-ALE, e a vitória do Real Madrid-ESP graças ao gol do atacante brasileiro Rodrigo (ex-Grêmio Novorizontino). Ajax-HOL 6 x 0 AEK Athens-GRE, na primeira rodada, ainda é o maior placar da competição.

Entre os países com mais de um representante, a Espanha foi o de melhor retrospecto, com três vitórias e um empate (7v – 2e – 3d ao todo). A Inglaterra também se saiu bem, com dois triunfos e dois empates (5 – 5 – 2), assim como a Holanda, com uma vitória e um empate (3 – 2 – 1).

Portugal viu seus representantes perderem pela primeira vez, e logo os dois (3 – 1 – 2). A França obteve uma vitória, um empate e uma derrota (5 – 1 – 3). A Alemanha venceu duas e perdeu duas (4 – 3 – 5), mesmo desempenho da Rússia, com um triunfo e um revés (2 – 2 – 2). A Itália, mais uma vez com uma vitória, um empate e duas derrotas (3 – 4 – 5), foi a pior na rodada e a pior no geral.

Entre os jogadores, Brown, do Chelsea, que participa do “Caminho dos Campeões”, assumiu o topo da artilharia, com cinco gols. Rafael Camacho (Liverpool), Alberto e o brasileiro Rodrigo (Real Madrid), Ngonge (Brugge), Babacan (Galatasaray), Colidio (Inter), Kepl (Viktoria), Greenwood (Man Utd), Gouano (Monaco) e Fábio Silva (Porto) estão com três.

Ao final das seis rodadas (turno e returno), o primeiro colocado avança direto às oitavas de final, enquanto o segundo vai aos play-offs, em jogo único fora de casa, contra um dos oito classificados na outra chave do torneio continental.

Resultados:

Shakhtar Donetsk 1 – 1 Manchester City, Ajax 3 – 0 Benfica, AEK Athens 0 – 4 Bayern München, Roma 3 – 1 CSKA Moskva, Young Boys 3 – 3 Valencia, Hoffenheim 3 – 1 Olympique Lyonnais, Real Madrid 3 – 2 Viktoria Plzeň, Manchester United 4 – 1 Juventus, Borussia Dortmund 3 – 4 Atlético de Madrid, PSV 2 – 2 Tottenham Hotspur, Club Brugge 2 – 3 Monaco, Lokomotiv Moskva 2 – 1 Porto, Barcelona 2 – 1 Internazionale, Liverpool 2 – 1 Crvena Zvezda, PSG 0 – 0 Napoli e Galatasaray 3 – 0 Schalke 04.

No Grupo A, Atlético de Madrid e Monaco pularam para a ponta, com seis pontos ganhos, dois a mais que o Club Brugge. O Barcelona segue invicto e líder isolado do Grupo B, com sete pontos ganhos, três a mais que o PSV. O Liverpool está em primeiro lugar no Grupo C, também invicto e com sete pontos, três a mais que o PSG. O Lokomotiv Moskva, outro invicto, assumiu a ponta isolada do Grupo D, com sete pontos ganhos, três a mais que Galatasaray e Porto.

O Ajax, mais um invicto, pulou para a primeira colocação do Grupo E, com sete pontos somados, um a mais que o Benfica. O Hoffenheim assumiu a liderança isolada do Grupo F, com nove pontos ganhos (100% de aproveitamento), deixando o Lyon em segundo, com seis. Outro 100% é o Real Madrid, primeiro colocado do Grupo G, bem à frente do Viktoria Plzeň, segundo, com quatro. E no H, o Manchester United se isolou na ponta, com nove pontos ganhos (100% de aproveitamento), três a mais que a Juventus.

O Ajax é o dono do melhor ataque, com 11 gols marcados, um a mais que Hoffenheim, Real Madrid e Manchester United. Por outro lado, o Schalke 04 ainda não balançou as redes. O Lokomotiv Moskva tem a melhor defesa, com apenas um gol sofrido, um a menos que Ajax, Napoli e Manchester United. Já o AEK possui a pior, vazada 13 vezes.

Até aqui, nas cinco edições anteriores, foram dois títulos para Chelsea e Barcelona (atual campeão) e um para o RB Salzburg.

Comente


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Da Base